Você está aqui: Página Inicial Notícias Encontro reuniu jovens nordestinos pelo direito à comunicação

Encontro reuniu jovens nordestinos pelo direito à comunicação

03/06/2011

Começou na quarta-feira e termina hoje o I Encontro Nordestino de In(formação) em Mídias Alternativas e Educomunicação em Natal, estado do Rio Grande do Norte (RN). A iniciativa surgiu a partir da Rede Viração Nordeste (RVN), que reúne os conselhos da Revista Viração da região e, aos poucos foi agregando novos parceiros, como a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Participam da atividade os estados de Alagoas, Pernambuco e Ceará.

"Nossa proposta é debater mídia alternativa e educomunicação, em especial, no ambiente acadêmico, onde ainda é pouco discutido”, avalia Alessandro Muniz, coordenador do evento e membro do Conselho Viração de Natal. Além da apresentação de trabalhos acadêmicos e debates, o evento recebe 14 representantes dos Conselhos Virajovens do Nordeste para o Encontro Nordestino da Viração.

A Viração é uma ONG de São Paulo que tem como projeto principal a produção de uma revista feita por jovens e para jovens. São mais de 40 Conselhos em 24 estados brasileiros, que, de forma colaborativa, produzem a publicação.

De acordo com Alessandro, a RVN foi uma iniciativa pioneira em propor uma articulação dos Conselhos em âmbito regional. A ideia surgiu ano passado durante o Encontro Nacional de Virajovens, proposto pela ONG Viração. Ele conta que a ideia tem como objetivo construir uma revista cada vez mais horizontal e colaborativa. "Pudemos construir uma rede de apoio entre os Conselhos que estão mais próximos, tanto em termos financeiros, como políticos”, afirma.

Alessandro reforça a importância do envolvimento da juventude com a comunicação. "Trata-se de um direito que deve ser exercido por todo cidadão. E, no Brasil, temos um quadro bem diferente, com o monopólio de algumas famílias”, avalia. Ele considera fundamental que mais pessoas produzam muita informação para cada vez mais pessoas, em um exercício de pluralizar o conhecimento.

Fonte: Adital

comments powered by Disqus